Post

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

By SaltoNaComputação Quando pensamos em processo o que vem a mente é que com a implantação deles, o talento das pessoas ficará limitado, burocratizando e controlando o que será feito pelo profissional e que os funcionários perderão a capacidade de inovar ou criar em situações de adversidades.Quando a empresa é pequena é possível gerí-la sem grandes burocracias, metodologias, processos, mas quando ela cresce e tende a atingir outros mercados com grande aumento de projetos, aumento do número de funcionários, novas estratégias para atingir grandes clientes é imprescindível implantar processos.Processos estão relacionados a experiências que foram acumuladas com muito estudo, trabalho, experimentos. Mas até que ponto um processo existente pode ser aplicado e benéfico em outra empresa ou setor?O que deu certo em outras empresas, vai dar certo na minha? Processos são criados por profissionais que buscaram e compilaram melhores práticas, aplicaram e em geral tiveram bons resultados, mas isso não quer dizer que um processo, framework existente vai atender sua necessidade sem necessitar de adequação ao seu negócio.Com a aderência a implantação de processos a empresa possibilita que os serviços possam ser realizados por qualquer pessoa, sendo assim, independente de quem executa o trabalho, serão realizadas as mesmas atividades, os mesmos parâmetros serão avaliados, os mesmos artefatos serão produzidos, os mesmos indicadores serão gerenciados. Com este nível de padronização dos trabalhos, os projetos tornam-se mais previsíveis, possibilitando que riscos sejam monitorados e controlados com alto grau de precisão.E na prática, digamos que os processos tenham sido implantados e todos estão seguindo, mas como processo deve englobar a estratégia da empresa o processo utilizado pelo time pode não estar atendendo a demanda, ou seja, não adianta visar a implantação de uma metodologia existente se a estratégia da empresa não condiz com o cenário de processos implantados.Os processos não podem ser estáticos, durante o monitoramento e controle das atividades eles devem ser gradualmente aprimorados pela organização. Ao conduzir novos projetos, é sempre importante: notar se houveram deficiências operacionais, fazer o levantamento das lições aprendidas, visando minimizar instabilidades futuras.Caso não exista um processo formalmente estabelecido, os profissionais buscam caminhos diferentes para realizar as mesmas atividades, fazendo com que o projeto tenha mais incertezas e com isso vem o aumento do risco de insucesso.Quando não existem processos definidos uma simples troca de um profissional pode desestabilizar toda uma cadeia de serviços, demonstrando a fragilidade do modelo operacional que a companhia possui.Quando utilizam processos bem modelados os profissionais são conduzidos por um caminho mais seguro e controlado, mas repito, esses devem ser sempre adequados a realidade da organização. O Mercado, as demandas, o negócio e até mesmo o cliente podem fazer com que o processo existente precise ser refatorado.É importante que o processo utilizado seja bem documentado e acessível para toda a empresa. Os profissionais devem ser treinados nesses processos para atenderem continuamente os projetos, mantendo os níveis de serviços dentro de uma variabilidade aceitável.Essa busca por processos visa garantir que toda a estrutura operacional da empresa possua um modelo de trabalho e adote padrões corporativos que garantem a inovação ou aperfeiçoe o processo existente ao longo do prazo. Portanto, a formalização de processos é benéfica sim e compensa os custos e esforços despendidos.

Source: http://www.saltonacomputacao.com/2014/08/existe-um-processo-pronto-para.html

Category: processo

Você também pode querer ler

Comments are off for this post.