Post

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars

By SaltoNaComputação Desenvolver software com qualidade que atenda as demandas do cliente é uma das principais preocupações no processo de desenvolvimento de software. E quando fala-se de um processo de testes, imediatamente pensa-se na necessidade da utilização de ferramentas que dêem suporte às atividades de um tester.Há um paradigma que vêm sendo cultivado de que testes automatizados são a solução para todos os problemas referentes à qualidade do software. Na verdade não é bem assim…E o que são testes automatizados?São programas ou scripts que exercitam determinadas funcionalidades do software e fazem verificações automáticas nos resultados obtidos. Ou seja, é um teste, que é executado automaticamente, onde se é conhecido todo o cenário, ações que devem ser realizadas e os resultados esperados.Algumas das principais vantagens dos testes automatizados são: capacidade de reprodutibilidade e velocidade na execução.O que automatizar?Testes automatizados são em geral utilizados para testes de regressão. Ou seja, testes que devem ser frequentemente executados e/ou demandam muito tempo para execução.Como desenvolver um teste automatizado?O primeiro passo para se desenvolver um teste automatizado é selecionar o requisito ou funcionalidade alvo e, com base nas especificações, pensar e/ou documentar os possíveis cenários de testes.A seguir, deve-se selecionar um dos cenários e elaborar o caso de testes, onde será especificado o passo-a-passo para a execução do teste.O ideal é que para cada teste automatizado, tenha-se um caso de teste como base.Após a especificação do caso de testes, é hora de criar os scripts de testes. Para isso, precisamos utilizar uma ferramenta de automação de testes.Como automatizar?Utilizaremos o Selenium IDE para realizarmos nosso primeiro teste automatizado.O Selenium IDE é um plugin que pode ser instalado no browser Firefox. Uma ferramenta leve, intuitiva e o que é melhor, gratuita.O primeiro passo é fazer o download e instalar o plugin.Para abrir o plugin, basta acessar, no Firefox, o menu “Ferramentas” e selecionar a opção “Selenium IDE” ou apenas digitar o atalho “ALT + CTRL + S”.
Nesse post faremos um teste bem simples apenas para demonstrar a ferramenta.No campo “URL Base” digite o endereço-alvo a ser testado. Utilizaremos o google (http://www.google.com) para o primeiro teste.Após informar a url base, acessar o google (endereço-alvo do teste), clicar no botão “gravar” (botão vermelho), do Selenium, que fica localizado no canto superior direito.No google, clicar na barra de busca, digitar o termo “Salto na Computação”, clicar no botão “Buscar” e clicar no link do Salto na Computação.Observar que todas essas iterações realizadas estão sendo gravadas pela ferramenta.
Depois de realizar os passos citados anteriormente, clicar novamente no botão de gravação do Selenium IDE para que as ações realizadas não sejam mais gravadas.No Selenium, clicar no menu “Arquivo” e escolher a opção “Salvar Teste” para que o script de testes seja salvo no seu computador.Para executar o script, basta clicar no botão “Executar script” para que o teste seja realizado. É importante observar o tempo de execução do teste na barra de velocidade. Para testes em ambiente WEB aconselha-se utilizar a menor velocidade possível.
Por hoje é só. Em breve teremos posts mais aprofundados sobre Testes Automatizados.

Source: http://www.saltonacomputacao.com/2014/04/automatizar-e-preciso.html

Category: Agile, automatizados, selenium, Software Testing, teste de software

Você também pode querer ler

Comments are off for this post.