Post

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
Loading ... Loading ...

By AsEspecialistas
Olá Pessoal!

Estivemos um pouco ausentes por aqui, mas foi por um bom motivo.
Há alguns meses fomos convidadas para escrevermos um artigo para a revista Java Magazine.
Por um período, ficamos focadas neste novo trabalho e estamos muito felizes com o resultado dele.

Estávamos mega ansiosas para contar essa novidade a vocês que nos acompanham!

A Edição 87 da Revista Java Magazine, já está disponível online e contém o nosso artigo, e temos o maior prazer de apresentá-lo. Segue um trechinho:

Adotando Checklists no Teste de SoftwareComo uma simples ferramenta pode aumentar a qualidade do software
O Checklist é uma lista de verificação que incorporada ao Processo de Teste simplifica e padroniza a execução dos testes

De que se trata o artigo:
Neste artigo veremos o conceito e diversos tipos de Checklists voltados para o Teste de Software, evidenciando através de exemplos a sua simples utilização.

Para que serve:
Demonstrar como uma simples lista de verificação pode tornar o trabalho padronizado, ágil e sob controle, destacando a utilização da ferramenta dentro do Processo de Teste de Software.

Em que situação o tema é útil:
Ao longo de todo o Processo de Teste de Software a utilização de um Checklist pode trazer grandes vantagens, agregando qualidade e tornando mais fácil a realização dos testes. O objetivo é evitar o esquecimento, os erros e as falhas durante a execução das tarefas atribuídas.

Adotando Checklists no Teste de Software:
O Checklist é uma lista de verificação que pode ser utilizada como uma poderosa ferramenta no Teste de Software. Muitas pessoas não têm ideia de como essa simples lista pode ser útil no dia a dia do Processo de Teste de uma empresa.

A adoção do Checklist proporciona inúmeras vantagens, garantindo assim que as tarefas sejam executadas de forma objetiva, eficiente e padronizada por diferentes profissionais da equipe.

Muitas pessoas possuem o hábito de fazer Checklists e não percebem. Quem nunca fez uma lista de compras antes de ir ao supermercado ou uma listagem, mesmo que mental, das tarefas que precisam cumprir no dia quando acaba de acordar? Este hábito pode soar como ultrapassado diante dos infinitos recursos modernos da atualidade, porém, a antiga e velha “listinha” pode ser mais eficaz para muitas pessoas.

O médico e escritor americano, Atul Gawande, autor do livro The Checklist Manifesto: How to Get Things Right (“O manifesto do checklist: como fazer a coisa certa”, numa tradução literal), defende a ideia de que a solução para evitar erros e falhas crescentes em um mundo com profissões e instituições cada vez mais complexas é o banal Checklist. Para ele, uma checagem simples pode ser utilizada como uma ferramenta de prevenção para que um pequeno engano não se transforme num desastre de enormes proporções.

Para se ter uma ideia, o Checklist está longe de ser uma novidade. Ele é utilizado há muitos anos e pelos mais distintos ramos de negócios. Por exemplo, a Boeing – maior indústria aeroespacial do mundo – adotou sua obrigatoriedade para os pilotos em 1935….

Para ler a íntegra, não deixe de acessar o site da revista: http://www.devmedia.com.br/post-19020-Adotando-Checklists-no-Teste-de-Software.html
Só mais um detalhe: o Blog As Especialistas continuará recebendo periodicamente os nossos posts, afinal, são muitas idéias para compartilhar com vocês.
Abraços,
Vivian Lagares e Renata Eliza

Source: http://asespecialistas.blog.com/2011/01/08/checklists-javamagazine/

Category: Java Magazine, Checklists, Técnicas de Teste

Você também pode querer ler

Comments are off for this post.