Post

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
Loading ... Loading ...

By [email protected] (André Júnior) Em sala de aula ouvi várias as vezes a citação do termo ‘Dojo’ e até então ficava com receio de perguntar em sala e resolvi pesquisar, encontrei no site http://carloscavalcanti.com/, um resumo que esclarece muito bem o tão falado termo. Segue abaixo:Nada mais é do que uma prática bastante divertida e interessante com ointuito de praticar o desenvolvimento de software dos participantes,fazendo com que as técnicas dos mesmos se aperfeiçoem. Tendo em vista:
Desenvolvimento orientado a Testes: Desenvolver um teste antes mesmo de fazer quaisquer tipo de implementação, com intuito de passar a visão correta da implementação desejada.

Pequenos Passos (ou passos de bebê): Deve-se desenvolver o código o mais simples possível para que o teste passe, quando for escrever um outro teste para o mesmo método deve-se escrever um teste um pouco mais complexo (ou melhor, um pouco menos simples).

Programação em par: Junção de 2 pessoas em um computador. Onde uma é o chamado piloto e a outra o co-piloto, ou seja, o piloto mete a mão no teclado, já o co-piloto, podemos dizer assim, “coordena” os passos tomados. Valendo salientar que essas 2 pessoas no Dojo devem ficar explicando em voz alta o que estão fazendo para a platéia.
Três momentos:

o Vermelho: Quando um ou mais testes não estão passando. A dupla que está de “posse” do computador deve fazer o teste passar e a platéia não deve falar neste momento, para não atrapalhar.

o Verde: Quando os testes são rodados e os mesmos passados, aí sim, neste momento a platéia poderá dar sugestões para melhor o código.

o Amarelo: Resumindo, refatoração. Após a platéia dar sugestões de modificações. Bem, resumidamente um Coding Dojo funciona desta forma.

Source: http://engtesteagil.blogspot.com/2010/09/coding-dojo_22.html

Você também pode querer ler

Comments are off for this post.